Brasão Governo de São Paulo

Em atendimento à legislação eleitoral, os conteúdos deste site não serão atualizados até o final da eleição estadual em São Paulo.

O Parque da Ciência possui 12 prédios históricos tombados, com estilos variados desde a Art Decó até as residências campestres inglesas do início do século 20. O Instituto Butantan nasceu em 1899, vinculado ao Instituto Bacteriológico (atual Instituto Adolpho Lutz), com o objetivo de produzir soros para conter o surto de peste bubônica no estado de São Paulo.

O laboratório tornou-se independente em 1901, passando a ser chamado de Instituto Serumtherápico e, posteriormente, de Instituto Butantan, uma referência à fazenda onde foi instalada na região oeste da capital. Os primeiros prédios do Instituto logo ganharam a companhia de outras construções, com a expansão de suas atividades, para abrigar a pesquisa e a produção de imunobiológicos.

Além das edificações, o local ainda hoje inclui vias e caminhos originais, que fazem do Butantan um museu a céu aberto. Em 1981, esse conjunto arquitetônico que materializa a história da instituição foi reconhecido pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo (Condephaat) como bem cultural de interesse histórico e paisagístico. No livro Edificações do Instituto Butantan, o arquiteto Sergio De Simone conta um pouco da história e do estilo das construções.

Importante: não é permitido entrar nos prédios históricos do Butantan.